quinta-feira, novembro 06, 2008

Michael Crichton (1942-2008)

O falecimento de Michael Crichton ontem me pegou de surpresa. Mestre do "tecno-thriller", Crichton é o autor de uma série de livros que eu gostei muito, embora os mais recentes (como State of Fear) não tenham me entusiasmado tanto como os mais antigos.

Uma lista de filmes para assistir em memória dele:
  • O Enigma de Andrômeda
  • Congo (médio)
  • Coma (nunca vi este)
  • Parque dos Dinossauros (este todos conhecem, assim como as continuações)
  • Esfera (não é grande coisa, mas os atores são famosos)
  • Sol Nascente (excelente)
  • Assedio Sexual (li o livro mas não vi o filme)
Ou simplesmente veja um capítulo de ER.

Uma curiosidade: somente hoje, olhando a entrada na Wikipedia, descobri que ele escreveu (sob pseudônimo) um livro que eu li na adolescencia: Binary. Infelizmente este livro está disponível somente usado.

4 comentários:

Wanderley Caloni disse...

"Esse não é grande coisa, mas os atores são famosos"? Essa foi boa =)

[]s

Daniel Quadros disse...

Caloni: Como podemos falar mal de um filme que tem Sharon Stone, Dustin Hoffman e Samuel L Jackson? Além disso, eu tenho o Audiobook que é bem bacana (tem efeitos especiais no início).

wmoecke disse...

Oi Daniel,
Puxa, me surpreendi com essa notícia. Além de alguns dos "cult" que voce cita, também vale a pena mencionar Airframe.

Li esse livro em 1999, e achei muito bom. Pena que esse não rendeu (ainda) uma versão para o cinema, pois a história é muito boa, o roteiro já é bem tipicamente "hollywoodiano"...

Daniel Quadros disse...

Werner: Sim, Airframe é muito bom, lembro dele toda vez que tem um acidente aéreo e ficam apontando um fato ou culpado único (como o livro explica, um acidente aéreo é sempre resultado de uma série de eventos). É outro que eu tenho o livro e o Audiobook.